top of page

DDGS na substituição de insumos para alimentação animal



O DDGS (Distiller's Dried Grains with Solubles) pode substituir parcialmente outros insumos na formulação da ração animal, como o farelo de soja por exemplo, que é a principal fonte proteica na dieta dos animais. Além dos farelos proteicos o DDGS também pode substituir parcialmente insumos energéticos como o milho, sorgo e outros. A substituição desses insumos pelo DDGS pode reduzir os custos de produção da ração, sem comprometer a qualidade nutricional do alimento fornecido aos animais.


O DDGS é uma fonte rica em proteína e energia, além de conter quantidades significativas de fibras, minerais e vitaminas. Essa composição nutricional pode ajudar a atender as necessidades nutricionais dos animais, substituindo parte do milho e da soja utilizados na formulação da ração.


No entanto, é importante ressaltar que a inclusão do DDGS na ração deve ser feita de forma balanceada e de acordo com as necessidades nutricionais dos animais, levando em consideração a idade, o peso, a espécie e a finalidade da produção animal. Além disso, é preciso levar em conta as características específicas de cada lote de DDGS, como a composição nutricional e a presença de anti-nutrientes, que podem afetar a digestibilidade e o desempenho dos animais.


Vale a pena fazer a substituição?


Tudo vai depender de como está o andamento do mercado, principalmente do farelo de soja, que age como uma referência de preços para os outros farelos proteicos. Além disso também deve ser levado em consideração o mercado de etanol, óleos e claro, do milho, pois a dinâmica de oferta, demanda e produção desses insumos impacta diretamente na viabilidade substituição do DDGS nas formulações.


São esses fatores que os consultores Germinare ficam de olho, para sempre fazerem as melhores recomendações de quando, quanto e qual produto comprar.

26 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page